Guia de Adestramento de Cães Passo a Passo

Yorkshire Terrier

Foto por simon_music – flickr

Você conhece alguém que tem um Yorkshire Terrier? Muito possivelmente a resposta para esta pergunta será “sim”, já que essa é uma raça bastante popular. O Yorkshire (ou apenas Yorkie) é um cachorro carinhoso, fácil de treinar, pequeno (ou seja, ideal para apartamentos) e se dá bem com outros pets, inclusive gatos. Se, agora, você já acha que pegar um filhote de Yorkshire é o melhor para você, ao final deste texto você terá certeza.

História e Origem do Yorkshire

Como a maioria das raças modernas que conhecemos, o Yorkshire resultou da cruza de uma série de outras raças ao longo dos anos.

No caso do nosso pequenino aqui, tudo começou na Inglaterra: durante a Revolução Industrial, trabalhadores escoceses viajaram ao Condado de Yorkshire, no nordeste do país, para trabalhar em minas e fábricas diversas. Teriam trazido com eles cães conhecidos como Clydesdale Terrier ou Paisley Terrier, que deram origem ao Yorkie, apesar de seu tamanho bastante maior que o que conhecemos hoje.

Além de já serem cães de companhia naquela época, eles eram utilizados como cães rateiros, ou seja, muito úteis para capturar ratos em locais como moinhos, por exemplo.

Através da cruza com outros tipos de Terrier, a raça foi sendo desenvolvida na direção de como a conhecemos atualmente. A partir de 1861, ela começou a dar as caras em exposições e desfiles de cães, bem como a ser reconhecida por entidades como o American Kennel Club e o British Kennel Club.

A Rainha Vitória foi lançadora de tendências ao escolher um Yorkshire como companheirinho: logo depois, uma série de senhoras da alta sociedade passaram a copiá-la, inclusive enfeitando seus Yorkies para combinarem com a roupa que estavam usando. Look do dia já existia naquela época!

Algumas pessoas perguntam qual a diferença entre Yorkshire e Yorkshire Terrier. Na verdade essa diferença não existe. Yorkshire ou York como também é chamado, são apenas formas mais simples de refererir ao Yorkshire Terrier.

Características do cachorro Yorkshire

Qual o tamanho do Yorkshire? O Yorkshire é conhecido pelo seu tamanho reduzido. E por reduzido, entenda entre 20cm e 23cm de altura e algo em torno de 3kg.

Seu pelo é fino, liso e longo, e a textura é bem parecida com a cabeleira dos humanos, com um brilho e maciez que poderão causar inveja aos donos.

A cor é um charme à parte: de acordo com o padrão da raça, o cãozinho tem uma pelagem cor fulvo (amarelo tostado) nas patas e na cabeça, e azul-aço (cinza brilhante próximo ao preto) no corpo. Apesar se fugir do padrão da raça, para o amor a cor não importa: você poderá encontrar Yorkies com manchas de outras cores, envolvendo marrom e branco, por exemplo.

Para completar a fofura do Yorkshire, as orelhinhas em formato de V e a cauda peludinha levemente mais alta que o corpo são detalhes que finalizam o visual desse cãozinho chiquérrimo.

Yorkshire Terrier Infografico

Personalidade e Temperamento da raça Yorkshire

Para a raça de cachorro Yorkshire Terrier, tamanho não é documento. Ele pode ser pequeninho, mas nem por isso passa despercebido: é um cão com personalidade forte, esperto e corajoso.

Por vezes, tão corajoso que perde a noção do próprio tamanho, podendo enfrentar outros cachorros muito maiores que ele. Também não é porque ele é visto com frequência pegando carona no colo das pessoas que ele é preguiçoso: é uma raça muito ativa, brincalhona e com energia de sobra.

Procure controlar seu (totalmente compreensível) impulso de levá-lo no colo, e deixe-o gastar essa energia por aí.

Engana-se quem pensa que ele é tudo menos um cão de guarda. Claro que a aparência meiga dele não irá dar medo em ninguém, mas ele é muito vivo e possui um raciocínio rápido: irá alertar os donos na mesma hora em que achar que algo fora do normal está acontecendo em seu território, através de muitos latidos.

E por falar em latidos, uma dica para os futuros (e de sorte) donos de Yorkie: treine-os desde filhotes a controlar os latidos, para não ter problemas de barulho em excesso no futuro. Felizmente, será uma tarefa simples, já que eles ocupam a 27ª posição no ranking da inteligência dos cães, e aprendem facilmente.

No geral, ele é um cão com muita facilidade de adaptação, e a sua personalidade poderá variar de acordo com o clima da casa e da família: de mais dengosos a mais travessos. E aí, como será o seu?

Como Cuidar de um Yorkshire Terrier

A maioria das características físicas dos Yorkshires citadas até aqui indicarão os principais cuidados a serem tomados com ele. O tamanho, por exemplo: pode parecer impossível você pisar no serzinho que você mais ama, mas esse acidente é mais comum do que se pensa.

A fragilidade da raça também deve ser levada em conta ao deixá-los perto de crianças: elas vão querer encher eles de afagos, que poderão ser mais vigorosos do que seu porte comporta.

Outra questão de destaque sobre a qual falamos é a pelagem: o ideal é escovar os pelos diariamente, para deixá-lo sempre limpinho e livre de embaraços. Alguns poderão encarar como trabalho. Você encarará com mais uma oportunidade de ficar pertinho do seu bichinho do coração. O lado bom do pelo dele é que não costuma cair em abundância, sendo uma raça bastante indicada para quem tem problemas alérgicos.

Com relação à saúde, cachorros da raça Yorkshire Terrier são considerados saudáveis na média. Poderá, no entanto, apresentar alguns problemas isolados, como doenças oculares e luxação da patela, comum em raças pequenas. Hipoglicemia e colapso de traqueia são outras questões às quais os donos de raças pequenas devem estar atentos.

Por fim, esta é uma raça ideal para viver dentro de casas e apartamentos e, aliás, tirá-los de dentro deles é que pode ser um desafio em algumas regiões: eles não são grandes fãs de tempo úmido e frio. Falando em fã, creio que o Yorkshire acaba de conquistar mais um, não é mesmo? Você!

Qual o preço de um Yorkshire filhote?

O preço do Yorkshire filhote gira em torno de R$ 1.200.

Mas antes de comprar lembre-se de procurar se existe um para doação nos abrigos para cães abandonados! Têm muito cachorrinho de graça precisando de um lar.

Curiosidades sobre Yorkshire

• Se hoje os Yorkshires têm uma vida confortável, no passado um deles participou até da guerra: uma cachorrinha da raça foi encontrada em uma trincheira na Segunda Guerra Mundial e acabou sendo adotada e treinada pelos soldados americanos. Seu papel variou desde cão terapêutico para soldados feridos até auxiliar na comunicação entre os postos.
• Apesar de o filme “O Mágico de Oz” ter sido gravado com um cão da raça Cairn Terrier como personagem Totó, tudo indica que ele era um Yorkshire no livro original. Mesmo com a controvérsia, o fato de o ilustrador do livro ser dono de um Yorkie praticamente não deixa dúvidas.
• Caso você tenha decidido que um Yorkshire definitivamente será parte do seu lar, veja a lista célebre de quem é ou já foi dono deles a qual você se juntará: Paris Hilton, Luciana Gimenez, Miley Cyrus, Gisele Bündchen, Natalie Portman, Xuxa, Britney Spears, Kelly Key, Naomi Watts e Venus Williams. E, além do mundo do cinema, música e esportes, o Yorkshire já frequentou até a Casa Branca: Nixon e sua família foram felizes donos de um cão da raça.