Guia de Adestramento de Cães Passo a Passo

Como conseguir pedigree para cachorro

pedigree

Independente da raça ou de ter pedigree, sabemos que todos os peludinhos de quatro patas merecem amor e carinho. No entanto, quando é desejo dos donos inscrever seus mascotes em competições e exposições oficiais, bem como cruzá-los e perpetuar a raça dentro dos seus padrões sem risco de cruzamentos consanguíneos, um famoso documento é necessário: o pedigree.

Fique por dentro do que é esse documento, qual é sua função e como conseguir pedigree para cachorro.

O que é pedigree?

Com esse sotaque francês, o pedigree até parece algo complicado e caro, o que é um mito. O pedigree nada mais é que o registro genealógico do cão de raça pura, também conhecido no Brasil como Registro Geral (RG). Esse documento traz tanto as informações do cão e de sua família (de três a cinco gerações) como do criador e do proprietário do animal. Ele tem a função de assegurar a origem do cão e a pureza da raça, além de comprovar a propriedade do mesmo.

Onde fazer o pedigree?

No Brasil, o pedigree pode ser obtido junto à CBKC (Confederação Brasileira de Cinofilia) ou à SOBRACI (Sociedade Brasileira de Cinofilia). A principal diferença entre elas é que a primeira emite documentos com reconhecimento internacional, por ser membro da FCI (Federação Cinófila Internacional).

Como registrar o pedigree dos cães?

O proprietário da cadela com pedigree que cruzou com um cão da mesma raça também portador de pedigree pode solicitar esse documento para os filhotes, desde que pai e mãe não sejam irmãos diretos.

O processo feito pela SOBRACI (disponível por correio e internet) ocorre diretamente com essa entidade, que exige a abertura de canil para o registro da ninhada. Já o processo realizado através da CBKC é feito junto aos clubes e federações reconhecidos pelo órgão distribuídos pelo território brasileiro, não sendo necessária a abertura de canil até a segunda ninhada da cachorrinha.

Independente da entidade escolhida, para fazer o documento, basta preencher o mapa de registro de ninhada e apresentar os pedigrees dos pais dos cãezinhos.

Se o registro for feito até os 90 dias de vida dos filhotes, o custo é de R$ 39 pela SOBRACI e em torno de R$ 50 para sócios de clubes vinculados à CBKC, lembrando que estes valores poderão sofrer atualizações. O processo pode ser feito posteriormente, até mesmo quando o cão for adulto, mas terá um custo um pouco mais alto.

Se os pais do meu cão não possuem pedigree, posso obtê-lo mesmo assim?

Se o cão estiver dentro dos padrões da raça, a resposta é positiva. Nesse caso, será necessário levá-lo a uma Exposição de Beleza de Cães de Raça Pura — para processo via CBKC — para que o cão seja avaliado por juízes e, em caso de aprovação, seja emitido o Certificado de Pureza Racial (CPR). O neto deste cão já poderá ter o RG padrão, uma vez que terá todas as informações genealógicas necessárias.

A SOBRACI também reconhece a pureza de cães cujos pais não têm pedigree, fazendo seu Registro Inicial. Esse processo pode ser realizado nas exposições realizadas pela entidade, em sua sede ou por vídeos e fotos.