Guia de Adestramento de Cães Passo a Passo

Quais as raças de cachorro que latem pouco?

Se você concorda com a máxima que diz que “o silêncio vale ouro”, possivelmente busca um cãozinho que economize em latidos. Mesmo que esse seja o principal meio de expressão e comunicação do cachorro, existem raças mais ou menos propensas a latir. Por um ambiente mais silencioso e a paz geral no condomínio, confira as raças de cachorro que latem pouco.

Cavalier King Charles Spaniel

cavalier king charles spaniel

Foto Asa-Helene

Essa é uma excelente raça para moradores de apartamento, tanto pelo seu tamanho quanto pelo seu temperamento. O adulto da raça não deve passar dos 8 kg e 33 cm de altura, e é um cachorro calmo, afetuoso e quieto. Por sua doçura com todos – inclusive estranhos – e sua baixa tendência a latir, espere um cão de colo, e não de guarda.
Shar-Pei
Por baixo das dobrinhas do Shar-Pei existe um cachorro calmo, silencioso e reservado. No entanto, apesar de latir pouco, esta é uma raça vigilante e de guarda. Por isso, quando o Shar-Pei latir, vale a pena conferir os motivos.

Galgo Italiano

galgo italiano

Foto madaise

Conhecido também como Pequeno Lebrel Italiano, ou Italian Greyhound, o Galgo Italiano é um cão que reúne características distintas: ao mesmo tempo que adora um sofá, é um atleta nato, como todo bom galgo. No entanto, latidos não são uma de suas características. Pelo contrário, é uma das raças mais silenciosas entre os cães.


Whippet

whippet

Foto winky

Também do grupo dos galgos, o Whippet é tudo menos um cão de guarda. Isso porque, além de ser amigável com todos que encontra, esta raça raramente vai ser vista latindo. Se você busca um cachorro companheiro, que seja ativo na rua e calmo dentro de casa, esta é a raça para você.


Basenji

basenji

Foto fugzu

O Basenji é tão discreto em seus latidos que chega a ser conhecido como “o cão africano que não late”. Quando quer se comunicar, o faz através de uivos. Mas o seu silêncio não significa frieza, uma vez que é carinhoso e protetor com seus donos. Mesmo que esta raça praticamente não lata, não é a melhor opção para apartamentos, já que é muito ativa e precisa se exercitar bastante.


Spaniel Japonês

spaniel japonês

Foto audrey_sel

Também conhecido como Chin, o Spaniel Japonês foi originalmente criado para ser cão de companhia da nobreza japonesa. Isso significa ser um cão amável, fã de um colinho e bastante silencioso.
Buldogue Francês
Para quem busca um cachorro companheiro, alegre e, ao mesmo tempo, silencioso, o Buldogue Francês é a pedida. Mesmo que, eventualmente, ele venha a latir, seu latido é baixo e rouco, sendo mais tranquilo de tolerar pela vizinhança mais sensível.

São Bernardo

são bernardo

Foto Elaine

Quem disse que os grandões também não podem ser silenciosos? Originalmente criados por monges nos Alpes suíços, esses cães são calmos, dóceis e latem pouco. No entanto, podendo chegar a 90 kg, evidentemente não são uma opção para quem mora em apartamento.


Enquanto você escolhe a sua raça silenciosa preferida, fique com esta dica final: mesmo que o cão seja silencioso, ele eventualmente precisará se expressar. Antes de se irritar e reagir agressivamente quando isso acontecer, procure entender as causas dos latidos.

Eles podem ter uma série de significados: de alegria a ansiedade, passando por um aviso de pessoas estranhas em seu território ou até mesmo uma simples tentativa de se comunicar com outros cães.



Procurando ração, anti-pulgas, brinquedos e acessórios para o seu cão? Conheça estas ótimas ofertas.