Guia de Adestramento de Cães Passo a Passo

Como é feita ração de cachorro?

ração de cachorro
Foto por sh4rp – Flickr

Sempre quando passamos pela seção pet de um mercado ou em uma petshop entre as prateleiras de comida para cachorros, vemos uma infinidade de diferentes tipos de alimentos, de ração a petiscos, de sabores simples até sabores mais gourmet em embalagens coloridas, chamando atenção para o seu valor nutritivo e com fotos de animais bem tratados e aparentemente felizes.

Entre tantas opções fica até difícil saber qual daqueles pacotes escolher, não é mesmo? Mas, talvez uma dúvida mais importante ainda possa surgir em sua cabeça. De que é feita a ração para cães?

Geralmente, a comida para animais é constituída de carne, derivados da carne como vísceras e outras partes não consumidas pelo ser humano, cereais e grãos, além de também receber a adição de vitaminas, minerais, corantes e flavorizantes.

A presença de certos ingredientes pode variar dependendo do tipo de alimento animal, se é ração, um enlatado, ou um biscoito. A diferença mais básica entre um alimento seco e um enlatado está na quantidade de umidade que este e aquele possuem. Enquanto o alimento enlatado costuma ter entre 70 e 80% de umidade, as rações não chegam a ter nem 10%.

Tendo em mãos todos os ingredientes necessários, é hora de preparar o alimento. O processo de manufatura das rações caninas se dá quase da mesma forma que o da comida processada para humanos.

A primeira coisa a acontecer, é o processamento que a carne e os seus derivados recebem. Nesta etapa, são separadas a água e a gordura dos componentes proteicos (vísceras e ossos). Em geral, isso se dá pelo uso do calor ou pela extração enzimática e solvente, fazendo com que os resíduos sequem e sobre apenas o que é realmente necessário.

Depois disso, a carne e os seus derivados são moídos até a consistência desejada e cozidos para em seguida serem misturados aos outros ingredientes como grãos, vitaminas e minerais (estes variam conforme a receita da ração).

Os produtos proteicos ainda podem ser moídos mais uma vez para se ter uma consistência mais uniforme. Após a mistura dos ingredientes, ocorre então o processo de dar forma ao alimento, ou seja, é a partir daí que se obtém os mais diversos formatos de ração (redondinhas, quadradas, em forma de biscoito, etc.) encontrados no mercado. Além disso, pode haver ainda a adição de corantes e aromatizantes para aprimorar o sabor da comida.

Uma vez que o alimento já tenha ganhado a forma de ração, ele é então embalado, ficando pronto para ser distribuído e vendido em todos os lugares. A partir daí, cabe ao dono do animal escolher a melhor opção não só para agradar ao paladar do seu amigo de quatro patas, como também para saúde dele.

Pesquisar marcas diferentes e questionar a procedência dos ingredientes de alimentos para animais também é bastante importante. Caso esteja em dúvida sobre qual tipo de ração dar para o seu cachorro, não deixe de consultar um especialista no assunto.

 
Procurando ração, anti-pulgas, brinquedos e acessórios para o seu cão? Conheça estas ótimas ofertas.